Fátima Bezerra recebe Dilma Rousseff na Governadoria

0

A ex-presidente Dilma Rousseff visitou a governadora Fátima Bezerra nesta terça-feira à noite. Na Governadoria, Dilma Rousseff também cumprimentou e conversou rapidamente com deputados estaduais da base aliada, que estavam no gabinete de Fátima Bezerra para uma reunião sobre projetos que serão enviados para votação na Assembleia Legislativa nas próximas semanas, entre os quais proposta de emenda constitucional da reforma da Previdência do Estado.

A ex-presidente petista está no Rio Grande do Norte para passear em algumas praias, como São Miguel do Gostoso, onde ficou hospedada nos primeiros dias no Estado.  Aproveitou para um encontro com Fátima Bezerra. “De passagem rápida por Natal, ontem ela [Dilma Rousseff] nos fez uma visita. Presidenta Dilma, alegria imensa de tê-la mais uma vez ao nosso lado, com a leveza de quem está do lado certo da história. O Rio Grande do Norte estará sempre de braços abertos para recebê-la”, afirmou a governadora nas redes sociais.

Em uma das fotos postadas no Instagram, Dilma Rousseff está ao lado de Fátima Bezerra e dos deputados Raimundo Fernandes, Souza Neto, Doutor Bernardo, Francisco do PT, Ubaldo Fernandes e George Soares. Entre esses deputados estão filiados a partidos como o PSDB, que é acusado pelo PT e pela ex-presidente de ter integrado uma aliança que deu um ‘golpe” ao aprovar o impeachment que resultou no fim do mandato dela do Palácio do Planalto.

Em outra imagem postada nas redes sociais da governadora, Dilma Rousseff aparece de mãos dadas com mulheres que são com auxiliares de Fátima Bezerra no governo.  A ex-presidente foi fotografada também diante de uma escultura que representa uma mulher rendeira. A programação da ex-presidente em Natal, ontem, incluiu ainda um jantar na residência na casa do senador Jean Paul Prates.

No Rio Grande do Norte, desde o fim de semana, para um período de descanso, na terça-feira a petista postou acusações ao jornalista Pedro Bial, após ele criticar a diretora do filme “Democracia em Vertigem”, que concorre ao Oscar na categoria Melhor Documentário e adota a versão da esquerda sobre episódios recentes que teve implicação na política nacional com o impeachment e a condenação do ex-presidente Lula.
Folha Banner
“Como se não bastasse a grosseria misógina e sexista de Bial contra Petra Costa, ao chamá-la de menina insegura em busca de aprovação dos pais, a candidata brasileira ao Oscar com o filme Democracia em Vertigem foi vítima de intolerável agressão oficial do governo Bolsonaro”, afirmou Dilma.
Presidente da República a partir de 2011 e reeleita em 2014, Dilma Rousseff foi destituída do mandato de presidente da República em 2016, ao ser julgada no Senado por crime de responsabilidade. Com 75% dos votos favoráveis, os senadores consideraram procedente a acusação de que ela ordenou a edição de créditos suplementares sem a autorização legislativa e realizou operação de crédito irregular com instituição financeira controlada pela União. Em 2018, Dilma Rousseff concorreu ao Senado por Minas Gerais. Estavam em disputa duas vagas, mas ela ficou em quarto lugar.
Fonte:Tribuna do Norde