Grupo de Trabalho das Falésias foi criado para amenizar estragos provocados por erosão em Canoa Quebrada

0

No sábado (01/02), por determinação do prefeito Bismarck Maia, a equipe da Prefeitura do Aracati, composta por representantes da Casa Civil, Superintendência das Praias, Secretaria de Infraestrutura, Iquama (Instituto de Qualidade do Meio Ambiente), Secretaria de Turismo, Secretaria de Segurança Pública, via Defesa Civil, além de engenheiros ambientais, topógrafo, engenheiros civis e empresa contratada de manutenção estiveram em quatro locais de falésias em Canoa Quebrada e nos Esteves, para mais uma avaliação e definição de estratégia para sua contenção.

Considerando as fortes chuvas que a cidade tem recebido e o processo natural de erosão, o grupo de trabalho – GT Falésias definiu por iniciar uma abordagem no cemitério a partir de segunda-feira (03/02), sem prejuízo da continuidade dos estudos para uma resolução mais duradoura, tanto no cemitério antigo, como na praça dos pescadores e na via de entrada dos Esteves, onde os processos de erosão são acentuados.

Folha Banner

Na próxima segunda-feira (03/02), será publicado “Decreto de declaração de situação de emergência”, a fim de agilizar a contratação e consecução de obras emergenciais. Outros procedimentos, sobretudo com relação ao cemitério estão sendo tomados juntos aos órgãos competentes, como o IML.

No próximo período, O GT- Falésias deve se reunir diariamente, a fim de monitorar e definir ações que minimizem os estragos causados por ação da natureza.