Câmara aprova Projeto que regulamenta o transporte coletivo urbano de Aracati

Passageiros terão "bilhete único" para usar; foram criadas três linhas que circula entre a FVJ, centro e bairros mais afastados

0

Após intensos debates, a Câmara Municipal de Aracati aprovou, na noite desta segunda, 10, o projeto de Lei da prefeitura que regulamenta o serviço de transporte coletivo urbano no município. O projeto foi aprovado por 10 votos a favor e 5 contrários.

A partir da decisão, cabe ao município a operação do serviço público de transporte coletiva, que poderá ser feita diretamente pelo próprio município ou por delegação, a pessoas físicas ou jurídicas, sob regime de permissão.

Os veículos a serem utilizados no sistema de transporte coletivo de Aracati englobam ônibus, micro-ônibus, topic, Kombi e assemelhados, cabendo ao DEMUTRAN definir a característica de acordo com a rota a ser estabelecida.

Os veículos em operação serão numerados e utilizarão comunicação visual para efeito de identificação, de acordo com a codificação e padrão fixados pelo Departamento Municipal de Transito, DEMUTRAN, e Casa Civil do município.

Folha Banner

Os veículos permissionários deverão possuir ar-condicionado, bom estado de conservação, capacidade máxima de 27 passageiros e itens de segurança previstos no Código de Trânsito Brasileiro e serão submetidos a uma vistoria anual obrigatória.

Bilhete único – As linhas e circulação a serem criadas terão “bilhete único”, com transbordo nos terminais da Avenida Dragão do Mar e Rua José de Alencar. As tarifas serão fixadas mediante decreto do prefeito Bismarck Maia.

O projeto cria três percursos de transporte coletivo dentro do município, com itinerários que vão desde a FVJ, passando pelo centro e bairros mais afastados, ligando a cidade de norte a sul.

Para o líder do governo na Câmara, vereador Marcos Monteiro, o projeto é importante para o município, tendo em vista a necessidade dos usuários do transporte coletivo em sua locomoção.