Inter desfruta de novo ambiente após vitórias em sequência

Direção espera público de 40 mil contra Sport neste sábado

0

Ainda em Salvador, onde venceu o Vitória por 3 a 2 em um jogo cheio de emoções na véspera, o Inter treinou ontem pela manhã. À tarde, iniciou viagem para Porto Alegre, onde desembarcou somente à noite. Sem muito tempo, Odair Hellmann comanda hoje pela manhã o único trabalho visando ao jogo contra o Sport, amanhã, no Beira-Rio. A direção colorada espera um público de mais de 40 mil pessoas no estádio. As três vitórias em sequência mudaram o campeonato do Inter. Ao invés de lutar para escapar das últimas posições, abandonou o trauma do rebaixamento e passou a olhar para cima. “Quando se tem performance, se está muito mais perto da vitória. Estamos mais regulares e isso facilita muito. Mas temos que seguir o trabalho”, afirmou o técnico Odair Hellmann ainda no estádio Barradão, em Salvador. Ele ganha dois reforços para a partida contra o Sport. Leandro Damião e Iago, que cumpriram suspensão pelo terceiro cartão amarelo, estão de volta. Eles entram nos lugares de Uendel e Rossi. D’Alessandro, por sua vez, estará à disposição para a partida contra o São Paulo, na próxima terça-feira, no Morumbi. Até a parada para a Copa do Mundo, o Inter ainda enfrentará mais quatro partidas: Sport (C), São Paulo (F), Santos (F) e Vasco da Gama (C). O objetivo é somar pontos suficientes para permanecer nas primeiras posições do Brasileirão. Daí, ganhará tranquilidade para trabalhar nos 33 dias que terá sem partidas oficiais no período da Copa. “Não estamos fazendo projeções. Ainda analisamos o campeonato olhando um jogo de cada vez, mas seria importante manter-se na ponta de cima da tabela até a parada”, resume o vice de futebol, Roberto Melo. Ele isentou Rossi pela perda do pênalti que quase custou o resultado em Salvador, dizendo que o atacante era um dos batedores do time. Rossi, nas redes sociais, manifestou-se: “Nada vai me abalar, muito menos um pênalti perdido! Sem muito mimimi”.