MP deflagra 3ª fase de operação contra regalias em presídios de Goiás

0

O Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO) deflagrou na madrugada desta sexta-feira (4) a 3ª fase da Operação Regalia, que visa combater uma série de benefícios a detentos em Goiás. O foco da investigação, desta vez, além de presos, são mulheres dos reeducandos, que entravam com objetos ilícitos durante visitas, e um ex-vigilante penitenciário temporário.

São cumpridos 15 mandados de prisão em Goiânia e Aparecida e Goiânia e 15 de busca e apreensão.

Há mandados sendo executados na Penitenciária Odenir Guimarães (POG), no Complexo Prisional de Aparecida. Já foram apreendidos armas, munições e bebidas alcóolicas, entre outros itens ilícitos.

Folha Banner

A ação é realizada em conjunto com as polícias Civil e Militar, além da Diretoria Geral de Administração Penitenciária (DGAP).

Entre aqueles que tiveram a prisão decretada, estão detentos, mulheres e um ex-servidor do sistema prisional, cujos nomes ainda não foram divulgados.

Mais detalhes sobre a operação devem ser repassados durante uma coletiva de imprensa nesta tarde.

Fonte: G1