Homens que exibiram armas em vídeo usavam distintivos autênticos da polícia do Ceará

0

Os dois homens que postaram um vídeo em rede social exibindo armamento pesado usavam distintivos autênticos da Polícia Militar. Eles foram presos na tarde desta terça-feira (1º), em Fortaleza, um dia após a publicação do vídeo. Além de armas de fogo e munições, os suspeitos também foram encontrados com coletes balísticos, todos autênticos. A mulher de um dos envolvidos também foi presa.

Um dos homens capturados pela polícia era fugitivo do sistema prisional do Ceará, enquanto o outro já havia sido condenado por homicídio.

Polícia prende bando com armas e distintivos autênticos da PM
Folha Banner

A primeira prisão aconteceu no Bairro Serrinha. Os agentes se dirigiram à casa de Mateus Maviniê de Oliveira Rodrigues, de 18 anos, que já responde por tentativa de homicídio. Com ele foram encontradas várias munições de calibre 38 e .56.

Em seguida, os policiais foram à residência de Geovane Diogo Silva Oliveira, de 29 anos, com antecedentes criminais por homicídio, tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e crime de trânsito. Ao chegar próximo à casa do suspeito, a mulher dele, Rayanne Louises Feitosa Lopes, de 25 anos, tentou fechar as portas de casa para que o marido conseguisse fugir pelo telhado.

Resistência à prisão

Suspeitos exibiam armas em vídeo postado nas redes sociais (Foto: TV Verdes Mares/Reprodução)

Suspeitos exibiam armas em vídeo postado nas redes sociais (Foto: TV Verdes Mares/Reprodução)

Os três foram levados à Delegacia de Roubos e Furtos, onde foi realizado inquérito por posse ilegal de arma de fogo de uso restrito e na lei das organizações criminosas. Eles também vão responder pelo uso indevido de insígnias do Estado.

Já a mulher foi autuada por crime de favorecimento pessoal, já que tentou impedir as ações dos agentes. A polícia busca agora encontrar os outros envolvidos do grupo.

Fonte: G1 Ceará